ID Funcional

1. O que é o Projeto Identidade Funcional e quais as suas vantagens?
A identificação biométrica tem três objetivos principais: identificar o servidor, garantir a unicidade de dados do cadastro de servidores do Estado do Rio de Janeiro e entregar uma nova carteira funcional aos servidores. Isso gera transparência e eficiência na gestão dos recursos humanos, com desdobramentos para várias áreas da gestão pública (Segurança, controle de ponto, rastreabilidade de dados.) O projeto Identidade Funcional tem como finalidade reunir, atualizar e validar dados dos servidores ativos, inativos e dos pensionistas através da identificação biométrica (captura de impressões digitais e foto por meio digital).

2. Como está sendo realizada a identificação dos servidores ativos?
Inicialmente, estão sendo identificados os servidores que atuam nas Unidades Administrativas localizadas no município do Rio de Janeiro. Em 2010 serão identificados os servidores que atuam no Grande Rio e no interior do estado. Os servidores devem buscar informações sobre o seu agendamento neste site.

3. Se a pessoa não puder comparecer no dia agendado, como deve proceder?
Deve fazer a sua justificativa de ausência neste site e aguardar a próxima convocação. Para saber quando será feita a próxima convocação, continue acompanhando as informações divulgadas neste site.

4. Como os servidores ativos ficam sabendo de seu agendamento?
Através deste site.

5. Quando e como as pessoas que moram em outros estados ou no exterior farão sua identidade funcional?
No momento oportuno, as pessoas que residem em outros estados ou no exterior terão o atendimento adequado. Essas pessoas devem continuar acompanhando as informações divulgadas neste site.

6. Quais os documentos que devem ser apresentados no momento da identificação?
Devem ser apresentados os originais do contracheque, da carteira de identidade (Felix Pacheco, Detran ou Conselhos Regionais), do CPF e de comprovante de conta bancária (talão de cheque ou cartão da conta corrente ou extrato). Não é necessário levar fotocópias desses documentos, pois os mesmos servirão somente para conferência dos dados do servidor. O servidor deve ainda vir com informação sobre as matrículas que eventualmente possui ou já possuiu, com a finalidade de reconhecê-las ou não durante o processo.